Emitir guia para pagamento do IPVA

O que é

Você consultar aos débitos de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) do seu veículo e emitir as guias de recolhimento (GR-PR) ou boletos, se disponibilizados pela SEFA, para pagamento.

Trata-se de imposto estadual, que destina 50% para o município de emplacamento do veículo. Sua arrecadação é utilizada para custear os gastos públicos, como educação, saúde, segurança e transporte.

No Paraná, a cobrança do imposto se inicia sempre em janeiro e a alíquota é de 3,5% ou 1% do valor do veículo. O pagamento pode ser realizado à vista ou parcelado.

Quem pode solicitar

Proprietário.

Onde solicitar

Na internet.

Como emitir

Você não precisa sair de casa. Pode consultar os débitos e emitir a guia para quitação do IPVA no site da Secretaria da Fazenda do Paraná. Basta informar o número do Renavam do veículo, situado no topo do Certificado de Registro e Licenciamento ou no documento de transferência do veículo, identificar os débitos que deseja quitar e pronto: emitir a Guia de Recolhimento (GR-PR) para pagamento nos bancos credenciados ou o boleto, se disponibilizado pela SEFA, para pagamento em qualquer banco.

Se preferir, procure uma das agências dos bancos conveniados (Banco do Brasil, Bradesco, Bancoob, Itaú, Rendimento, Santander e Sicredi) e informe apenas o número do Renavam.

Prazo

Na hora! Basta emitir a guia ou o boleto, se disponibilizado pela SEFA, e efetuar o pagamento, que é registrado pela Receita Estadual em no máximo 72 horas.

O pagamento deve ser feito até a data do vencimento ou, no caso de débitos vencidos, até a data que o proprietário escolheu para efetuá-lo. Neste caso, consulte o campo Informações Complementares.

Expiradas as datas para pagamento, os débitos devem ser novamente consultados e as guias ou boletos, se disponibilizados pela SEFA, emitidos outra vez.

O que diz a lei

Lei nº 14.260/2003 – Lei orgânica do IPVA

O IPVA tem vencimento anual e pode ser quitado à vista (com bonificação de 3%) ou em três cotas.

Se estiver vencido, os débitos do ano corrente devem ser quitados em uma única cota. Débitos vencidos de anos anteriores podem ser parcelados.

 

Forma de atendimento:

Integralmente na Internet

Quanto custa:

Gratuito